Automobilismo

Algumas curiosidades interessantes sobre a Indy 500

Indy 500

Indy 500

* Em oito ocasiões, o percurso das 500 Milhas foi menor que o sugerido pelo nome da prova. Na sexta edição, em 1916, por decisão prévia dos organizadores, que programaram a disputa para 300 milhas. Nos outros casos, sempre em função da chuva durante a corrida, o percurso foi reduzido para 400 milhas (em 1926), 345 milhas (em 1950), 332,5 milhas (em 1973), 435 milhas (em 1975), 255 milhas (em 1976), 450 milhas (em 2004) e 415 milhas (em 2007).

* A edição mais rápida das 500 Milhas de Indianapolis foi a de 1976. Johnny Rutherford venceu em 1h42min52s000, em decorrência da redução do percurso a 255 milhas. Dentre as provas em que todas as 200 voltas foram completadas, a mais veloz foi a de 2013, vencida por Tony Kanaan em 2h40min03s4181. A primeira edição, em 1911, foi a mais demorada. Ray Harroun ganhou depois de 6h42min08s.

* Nenhum sobrenome é tão vitorioso na história das 500 Milhas de Indianapolis quanto o da família Unser, dos Estados Unidos, cujos representantes ganharam nada menos que nove edições da corrida mais tradicional do automobilismo mundial. Al Unser venceu a prova quatro vezes, em 1970, 1971, 1978 e 1987. Seu irmão Bobby Unser contabiliza três triunfos, em 1968, 1975 e 1981. Al Unser Jr. faturou as edições de 1992 e 1994.

* Três mitos do automobilismo norte-americano comandam a galeria de campeões das 500 Milhas de Indianapolis, com quatro vitórias, cada. O primeiro a conquistar o tetracampeonato foi A.J. Foyt, vencedor da prova em 1961, 1964, 1967 e 1977. Al Unser igualou sua marca dez anos depois. Ele ganhou a corrida em 1970, 1971, 1978 e 1987. Rick Mears conquistou suas quatro vitórias em três décadas distintas é 1979, 1984, 1988 e 1991.

* A lista de tricampeões em Indianapolis é composta por cinco nomes: Louis Meyer (1928, 1933 e 1936), Wilbur Shaw (1937, 1939 e 1940), Bobby Unser (1968, 1975 e 1981), Hélio Castroneves (2001/02/09) e Dario Franchitti (2007/10/12). Dez pilotos ganharam duas vezes: Tommy Milton (1921/23), Mauri Rose (1947/48), Bill Vukovich (1953/54), Rodger Ward (1959/62), Johnny Rutherford (1974/76), Emerson Fittipaldi (1989/93), Arie Luyendyk (1990/97), Al Unser Jr. (1992/94), Dan Wheldon (2005/11) e Takuma Sato (2017/20).

* Os três brasileiros campeões em Indianapolis obtiveram seus trunfos em parceria com a Penske. Emerson Fittipaldi, em 1989, venceu pela Patrick, que utilizava chassis Penske com motores Chevrolet. Em seu bicampeonato, em 1993, era piloto da Penske. Hélio Castroneves defendeu a equipe em suas três vitórias: em 2001, utilizava motores Oldsmobile; em 2002, Chevrolet; e em 2009, Honda. Gil de Ferran levou a equipe à vitória em 2003 com motor Toyota.

* A Penske é recordista absoluta de vitórias nas 500 Milhas de Indianapolis, com 18 conquistas. Mark Donohue abriu a série em 1972. Rick Mears conquistou pela Penske suas quatro vitórias, em 1979, 1984, 1988 e 1991. Danny Sullivan, em 1985, Al Unser, em 1987, Emerson Fittipaldi, em 1993, Al Unser Jr., em 1994, Hélio Castroneves, em 2001, 2002 e 2009, Gil de Ferran, em 2003, Sam Hornish Jr., em 2006, Juan Pablo Montoya, em 2015, Will Power, em 2018 e Simon Pagenaud, em 2019, completaram a notável galeria de conquistas da equipe.

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.




Fonte

Artigos relacionados

Usuários lendo agora...
Fechar
Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)