Automóvel

Exportação de veículos do Brasil cresce em 2021 com dólar valorizado

O dólar valorizado, acima de R$ 5 reais, tem o efeito de elevar os preços no mercado interno de carros e motocicletas – algo que gera insatisfação nos consumidores. Entretanto, esse mesmo dólar valorizado tem um efeito positivo no estímulo às exportações brasileiras de veículos. Segundo relatório da ANFAVEA, divulgado no dia 7 de maio, em 2021 é destaque o desempenho das exportações, com crescimento de 34,7% no acumulado do ano.

Exportações de veículos do Brasil cresce em 2021 com dólar valorizado

Segundo a entidade, em 2021, com dados até abril, foram embarcados para o exterior 129,6 mil veículos, enquanto apenas no mês de abril foram 33,9 mil veículos exportados. Há crescimento de vendas para todos os mercados, com destaque para a Colômbia.

Exportações de veículos do Brasil cresce em 2021 com dólar valorizado

A projeção da ANAVEA para o desempenho das exportações da indústria automotiva brasileira em 2021 é de crescimento de 9%.

Exportações de veículos do Brasil cresce em 2021 com dólar valorizado

Apesar do crescimento, a ANFAVEA diz que os dados mostram “como estamos distantes de outros países produtores em termos de presença externa. No ranking global, somos o sétimo maior mercado em licenciamentos, o nono maior em produção de autoveículos, mas figuramos apenas em 26º na lista de exportadores em valores (US$). Outros países produtores vivem muito mais das exportações do que de seus mercados internos, casos de Japão, Coreia do Sul, México, Espanha e Índia.

Exportações de veículos do Brasil cresce em 2021 com dólar valorizado

Também chama a atenção como o Brasil está mal colocado no ranking de competitividade, na penúltima posição entre os 18 países em desenvolvimento, à frente apenas da Argentina, de acordo com estudo da Confederação Nacional da Indústria (CNI). “O aumento das exportações é crucial para o fortalecimento da Indústria. Para isso é necessária a criação de uma Política de Exportação com medidas capazes de reduzir o Custo Brasil, ampliação dos acordos internacionais de comércio, modernização e fortalecimento do sistema de financiamento às exportações“, defendeu o Presidente da ANFAVEA.

Fonte: ANFAVEA


Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)