Automobilismo

F1 – Futuros de Hamilton e Wolff serão definidos neste ano

Toto Wolff e Lewis Hamilton

Lewis Hamilton garantiu aos seus fãs que permanecerá na Fórmula 1 no próximo ano, apesar de ainda não ter assinado um contrato.

As razões para o atraso não estão claras, com as teorias variando das exigências salariais de Hamilton a questões complexas sobre o futuro da equipe Mercedes e de seu chefe Toto Wolff.

Acredita-se que Wolff também quer que o britânico se comprometa por mais três anos, enquanto Hamilton prefere um acordo de um ou dois anos.

“Eu não quero ter mais negociações no meio do próximo ano”, disse Wolff recentemente em Portugal, minimizando a teoria do contrato de um ano.

Hamilton inclusive admite que Wolff tentou abrir as conversas contratuais sobre 2021 em agosto do ano passado.

“Olhando para trás, talvez eu devesse ter assinado naquela época”, declarou o hexacampeão mundial à Speed Week. “Mas acredito que as coisas devem acontecer no momento certo, e eu não estava pronto naquela ocasião”.

“Eu queria ter a liberdade para decidir em paz o que quero no futuro e quais ajustes eu e a equipe teríamos de fazer a fim de extrair ainda mais de nós mesmos. Ainda vejo esta parceria crescendo. Quero continuar aqui. Depois de fazer o nosso trabalho e deixar para trás o estresse das bolhas do corona, podemos cuidar do contrato”.

Enquanto isso, Wolff disse que tem um “prazo” até o final do ano para determinar seu próprio futuro, em meio às negociações sobre sua função atual com Ola Kallenius, CEO da Daimler.

“Ola e eu dissemos várias vezes que vamos continuar juntos”, afirmou o austríaco. “Nós sabemos que temos um prazo até o fim do ano, então tudo precisa ser definido até o Natal para que todos nós saibamos o que fazer em seguida”.

Já ouviu o último Loucos por Automobilismo? Clique na imagem abaixo!

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.

Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo