Automobilismo

F1 – Michael Masi esclarece dúvidas dos fãs

Michael Masi

Max Verstappen deu um susto aos fãs da Fórmula 1 no domingo à tarde no circuito de Imola, quando quase rodou enquanto esquentava os pneus para a relargada. Por um momento, pareceu que o que Sergio Perez tinha feito antes iria acontecer, mas Verstappen se recuperou da situação. A FIA confirma isso.

O diretor da corrida Michael Masi argumenta que se Leclerc tivesse ultrapassado seu rival Verstappen após sua escorregada na relargada, ele teria que devolver a posição ao holandês. No The Telegraph, Masi relata que o aquecimento antes de uma relargada em movimento é visto como uma volta de formação.

Esta situação é avaliada de forma diferente da de Sergio Perez. O mexicano da Red Bull Racing rodou durante o safety car saindo totalmente da pista e, nesse caso, você não pode recuperar os lugares perdidos. Porque Perez fez isso, ele recebeu uma penalidade de dez segundos.

Nenhuma investigação sobre Hamilton
Em seguida, houve outro ponto de discussão na Internet, porque Lewis Hamilton foi autorizado a dar ré no carro para garantir que seu Mercedes fosse de volta no asfalto. “Isso é analisado por situação. Neste caso, aconteceu com segurança, ele foi bem instruído por sua equipe”, disse Masi. No final, a bandeira vermelha permitiu a Hamilton substituir sua asa dianteira sem custar muito tempo. Depois da relargada o líder do campeonato mundial conseguiu passar do P9 para receber a bandeira quadriculada em P2.

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.




Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo