Automobilismo

F1 – Red Bull não tinha chamado Verstappen para a troca de pneus

Christian Horner

O chefe da Red Bull, Christian Horner, revelou que Max Verstappen não tinha realmente sido chamado para sua parada durante o GP da Espanha.

O piloto da Red Bull entrou nos boxes na volta 24, com Lewis Hamilton da Mercedes logo atrás na batalha pela liderança. No entanto, a parada de Verstappen foi consideravelmente mais lenta do que o normal e levou mais de quatro segundos.

A equipe não estava pronta para o piloto e Horner explicou que a equipe não o havia chamado aos boxes para sua parada.

“Felizmente, estávamos nos preparando para a parada, mas então Max entrou no pit lane e não o havíamos chamado naquele momento”, disse Horner à Sky Sports.

“Mas a reação da equipe foi muito rápida, da parede do pit, de seu engenheiro de corrida, da equipe de pit para fazer a troca sem perder mais tempo.”

“Eu acho que foi uma parada de quatro segundos, então eles se recuperaram incrivelmente bem para mudar isso em um curto espaço de tempo.”

A estratégia errática da Red Bull não permitiu que Verstappen tentasse manter Hamilton atrás – após uma segunda parada no heptacampeão – e ele acabou terminando em segundo.

No entanto, o holandês foi para os boxes no fim da corrida, colocou pneus macios e marcou um ponto de bônus (nesse caso de consolação) vpela volta mais rápida. 14 pontos agora separam os contendores do campeonato na classificação após quatro corridas.

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.




Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)