Automobilismo

F1 – Steiner nega que o pai de Mazepin esteja comprando a Haas

Nikita Mazepin

Gunther Steiner negou que a Haas será vendida ao pai do piloto da equipe Nikita Mazepin. O bilionário russo Dmitry Mazepin já é o patrocinador título da pequena equipe americana, através da sua empresa Uralkali.

É uma situação única para a Haas, dado que o companheiro de equipe do estreante Mazepin, Mick Schumacher, está intimamente alinhado com outro parceiro chave da equipe chave – a Ferrari.

“Com a Ferrari, o contato é Jock Clear mas também Mattia (Binotto)”, disse o chefe da equipe Steiner ao Sport1. “Com Mazepin, a pessoa de contato é o seu pai. Logicamente, ambas as partes têm frequentemente perguntas para nós e respondê-las não é problema”.

Uma pergunta recentemente pode ter sido sobre a queixa de Mazepin de que apenas Schumacher tem acesso ao simulador da Ferrari e ao carro de dois anos para testes. “Haverá sempre perguntas”, admitiu Steiner.

“E cada piloto acredita sempre que está sendo prejudicado. A minha maneira é que se houver apenas uma peça nova para um piloto, teremos que comunicar aberta e honestamente”, prosseguiu.

Finalmente, Steiner negou que o Mazepin sênior pudesse em breve comprar a Haas por completo. “Estes são rumores que não têm qualquer base”, insistiu ele. “A Haas ainda pertence ao Sr. Haas e assim continuará”.

“Ninguém está satisfeito com os resultados atuais, mas Gene Haas conhece o caminho que estamos seguindo. Ele ainda gosta da Fórmula 1 e está vindo para Portugal. Desde que estejamos melhor posicionados do que estamos atualmente a médio prazo, por ele tudo bem”, concluiu Steiner.

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.




Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)