Automobilismo

F1 – Verstappen reclama das condições do asfalto de Portimão

Max Verstappen

Max Verstappen esteve novamente com boa velocidade na sexta-feira em Portimão, mas não foi o mais rápido em nenhuma das sessões. Na primeira, foi batido por Valtteri Bottas, e à tarde por Lewis Hamilton. A segunda sessão de treinos também não foi isenta de problemas para o holandês.

No início do TL2, Verstappen relatou problemas com o seu sistema de frenagem brake-by-wire, após o que regressou aos boxes. Após quinze minutos, o problema parecia estar resolvido e Verstappen podia voltar a sair, enquanto o resto do grid entrava depois da sua primeira tentativa.

Verstappen explica que o asfalto escorregadio tornou tudo complicado. “Sei que é o mesmo para todos, mas era super escorregadio e não muito agradável de pilotar”, disse Verstappen ao seu site oficial. “O carro foi bem, mas temos trabalho a fazer para amanhã”.

Diz também que as condições são semelhantes às do ano passado, mas que as alterações dos pneus e dos carros este ano estão causando uma perda de aderência. “É muito complicado na pista e isso é uma pena porque esta pista é ótima. Tem tudo a ver com a temperatura dos pneus, e não deveria ter”, concluiu o piloto da Red Bull.

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.




Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo