Justiça

Familiares de desaparecidos poderão coletar DNA para busca de parentes

Familiares de pessoas desaparecidas em todo o Brasil vão poder fazer gratuitamente coleta de DNA a partir da próxima semana para ajudar na identificação desses parentes.

A Campanha Nacional acontece entre os dias 14 e 18 de junho, e é uma iniciativa do Ministério da Justiça e Segurança Pública para ampliar o Banco Nacional de Perfis Genéticos e ajudar mais familiares a identificar seus entes desaparecidos.

Todas as unidades da Federação vão contar com postos de atendimento para a coleta de dados. Podem participar da campanha pais, filhos e irmãos com os mesmos genitores.

No Rio de Janeiro serão 13 postos espalhados pelo Estado. A  Secretaria de Polícia Civil do Rio  vai fazer um mutirão para a coleta das amostras.

Qualquer pessoa com um familiar desaparecido poderá procurar os postos. Se o registro do sumiço ainda não tiver sido feito, os agentes vão auxiliar, encaminhando as pessoas para as delegacias mais próximas.

A coleta é simples e sem dor. Ela é feita com uma espécie de cotonete, que é passado na parte interna das bochechas da pessoa.

Marcelo Martins, diretor do laboratório de DNA da Policia do Rio, que é vinculado ao Departamento Geral de Polícia Técnico Científica, explica que o  material genético do  familiar é comparado com perfis genéticos de corpos não identificados dos bancos estaduais e nacional, aumentando  a chance de esclarecimento de muitos casos.

O diretor ainda ressalta que os dados coletados serão usados apenas para a finalidade do banco de perfis genéticos.

O banco de perfis genéticos do Instituto de Pesquisa e Perícias em Genética Forense do Estado do Rio existe desde 2012 e contribui com cerca de 26% das amostras coletadas de familiares no Banco Nacional.

Em 2013, pela primeira vez um corpo de uma pessoa desaparecida foi identificado a partir do material genético depositado no banco de DNA do Rio de Janeiro.

Os endereços dos locais para fazer a coleta estão no site do Ministério da Justiça e Segurança Pública. O trabalho vai seguir todos os protocolos de segurança e distanciamento para prevenir o contágio do coronavírus.


Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)