Futebol

Filho de vascaíno, Wellington Rato admite que interesse de cariocas mexe

A chegada do técnico Marcelo Cabo ao Vasco da Gama tem fomentado especulações sobre a vinda de jogadores do Atlético-GO para a equipe. Cabo fez campanha de destaque no clube goiano na Série A e no Estadual, competição em que foi campeão.

Um dos nomes especulados é o do meia Wellington Rato, de 28 anos. Nascido em Japeri, Rato iniciou a carreira no Audax do Rio e depois foi para o de São Paulo, onde disputou uma Copinha e um Paulistão. Sua maior conquista foi a Copa do Nordeste de 2018, pelo Sampaio Corrêa. Iniciou 2020 na Ferroviária, disputou o Cearense e estava na Série C quando surgiu a oportunidade de jogar pelo Atlético.

Em entrevista à Rádio Sagres, de Goiânia, o meia admitiu que o interesse de grandes clubes do Rio mexe com a cabeça. Além do Vasco, o Botafogo também mira seu futebol.

“Mexe sim. Assim como o professor Marcelo Cabo falou também, ele é do Rio de Janeiro, você ver um time grande do Rio, de camisa, tenho certeza que mexe sim. Ainda mais que meu pai é vascaíno doente, ele chegou a brincar que eu iria realizar o sonho de casa, mas é conseguir focar aqui e deixar as coisas acontecerem”, afirmou.

O jogador, entretanto, desconhece a existência de propostas: “Para mim particularmente não chegou. Estou focado aqui no Atlético-GO, tenho contrato. Se as coisas tiverem que acontecer está nas mãos de Deus, mas estou totalmente focado aqui no Atlético-GO”.

Recentemente, Wellington Rato renovou seu contrato com o Atlético-GO até dezembro de 2022.

Deixe seu comentário




Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo