Esportes

Manchester City oficializa saída de Aguero; atacante ganhará estátua no Etihad

O Manchester City anunciou, nesta segunda-feira, que o atacante Aguero está de saída do clube ao fim de seu contrato, após dez anos. O vínculo do argentino, ídolo dos citizens, se encerra no final da temporada e não será renovado.

Leia mais:Champions League deve crescer para 36 times e ter 10 jogos em fase inicial sem grupos: entenda as mudanças

O City planeja uma despedida grandiosa para o seu artilheiro, autor do icônico gol sobre o Queen’s Park Rangers em 2011, que deu à equipe o primeiro título da era Premier League. Ele ganhará uma estátua no Etihad Stadium, posicionada ao lado dos também ídolos Vincent Kompany e David Silva.

A ideia é ter o atacante contra o Everton, no último jogo em casa na temporada. O City espera já ter torcedores de volta ao Etihad Stadium para celebrar o ídolo.

Em comunicado, o clube destacou que Aguero é o maior artilheiro da história do clube, bem como o atacante mais eficiente em gols marcados da Premier League.

— Sua lenda será guardada na memória de todos que amam o clube e até daqueles que simplesmente amam o futebol. Esse não é o momento para discursos de despedida. Há muito o que conquistar no tempo que temos com Sergio, e estamos ansiosos por suas contribuições aos desafios que se avizinham — disse o presidente do City, Khaldoon Al Mubarak.

 

O jogador também foi às redes sociais falar sobre a saída. Em longa nota, refletiu sobre os dez anos de City e se disse preparado para novos desafios:

— Quando um ciclo se fecha, muitas sensações surgem. Fica um grande sentimento de orgulho e de satisfação para mim por jogar dez temporadas no Manchester City. O que é pouco comum para um profissional dessa idade hoje em dia. Eu cheguei durante a era da reconstrução, em 2011, e com o auxílio dos proprietários e a contribuição de vários jogadores, ganhamos um lugar entre os melhores do mundo — avalia o jogador.

Aguero sofreu muito com problemas físicos — chegou a contrai a Covid-19 — e perdeu espaço na atual temporada. Nos últimos jogos, o atacante vinha ganhando minutos nos fins de partida, mas o técnico Pep Guardiola já dava sinais de que não contava tanto com o artilheiro. O Barcelona aparece como principal interessado na contratação do jogador de 32 anos.


Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo