Empreendedorismo

Mesmo após reabertura, restaurantes continuam apostando alto no delivery

Mesmo após a permissão para reabertura na maior parte do Brasil, restaurantes continuam apostando no serviço de delivery, que se mostrou um grande aliado do setor em tempos de pandemia. Estabelecimentos que antes nunca tinham investido nessa possibilidade por receio de que os produtos perdessem qualidade descobriram como continuar funcionando sem que isso afetasse a boa impressão dos clientes.

O serviço é oferecido por tele entregas ou aplicativos e tem se mostrado importante apesar de muitos restaurantes estarem em fase de reabertura, uma vez que a recomendação ainda é evitar aglomerações. Nesse sentido, eles apostam que o delivery é uma opção interessante neste feriado prolongado com previsão de baixa temperatura em várias regiões do Brasil.

Nem todos os produtos que eles vendem nas unidades físicas são entregues na casa dos clientes por causa do risco da perda de sabor, frescor e textura. Mas cada restaurante, ao seu modo, arrumou uma forma de continuar oferecendo boas experiências. Confira, abaixo, alguns exemplos.

É um restaurante com prato único: um corte especial de carne, acompanhado de batatas fritas à vontade e de um molho especial. O conceito, muito difundido na Europa, foi introduzido no Brasil em 2009. A rede está expandindo com um modelo de franquia 100% focado justamente no delivery, desenhado para que a experiência gourmet chegue perfeita na casa do cliente.

A rede é conhecida por suas carnes assadas em grelha australiana. Apesar de oferecer o delivery desde 2018, em março, a  empresa se viu diante da necessidade de remanejar esforços exclusivamente para a entrega em casa e fez uma releitura do cardápio. O foco foi melhorar a velocidade e a experiência, além das embalagens, para manter os alimentos preservados.

Chefiado por Henrique Fogaça, o Sal Gastronomia foi criado em 2005 e também se rendeu ao delivery durante a quarentena. Nos primeiros dias em que a iniciativa foi anunciada, o próprio Fogaça chegou a fazer entregas pessoalmente. Apesar de o chef se estrela de programa de televisão, o cardápio tem preços acessíveis. As embalagens são totalmente vedadas.

Paraibano nascido em Gurinhem, João Batista Barbosa de Souza, ou simplesmente Batista, migrou para o Rio de Janeiro, onde acabou trabalhando com o chef francês Claude Troisgros. Neste ano de pandemia, ele foi o protagonista do novo negócio de Troisgros, o Do Batista, sistema de comida para entrega que serve pratos tradicionais da culinária brasileira.

A rede, que tem como principal especialidade os pratos com frutos do mar, conta com um cardápio amplo, feito com ingredientes frescos e de alta qualidade. O delivery já estava disponível há alguns anos, mas foi reforçado em 2020. O serviço é feito por meio de aplicativo próprio ou do parceiro iFood.

Imagem: Reprodução/YouTube.

Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo