Tecnologia

Mi 11 Ultra mostra como um smartphone premium deve ser

Apesar do módulo de câmeras causar estranheza, a Xiaomi entrega pacote completo de alto padrão para o mercado dos topo de linha com o Mi 11 Ultra

Câmeras ultrapoderosas, processamento de ponta, acabamento premium e ideias inovadoras. É isso que a Xiaomi traz com o Mi 11 Ultra, seu novo smartphone topo de linha, feito para concorrer principalmente com o Galaxy S21 Ultra, da concorrente sul-coreana Samsung.

Sem dúvidas, a curiosidade por esse modelo aumenta muito ao notar o estranho módulo de câmeras na traseira, que certamente não possui nem um pouco de vergonha e quer mostrar a que veio. O design no mínimo inesperado pode afastar algumas pessoas, mas eu te convido a conhecer não apenas um smartphone excelente, mas um dos melhores topo de linha do mercado.

Confira abaixo a análise completa do Showmetech sobre o Mi 11 Ultra.

Design

Tela do xiaomi mi 11 ultra
Poucas bordas e tela infinita marcam a parte da frente do Mi 11 Ultra.

Tirando da caixa, já se percebe que se trata de um smartphone pesado, mesmo sem capinha. Com 234 gramas e tela de 6,8 polegadas, o Mi 11 Ultra surpreende pelo tamanho. Felizmente, a sensação ao vê-lo de perto é a de um celular muito bem construído, com proteção Gorilla Glass Victus no vidro da tela, metal no acabamento lateral que circunda o aparelho todo e cerâmica branca na traseira.

Certamente, os 8,4 mm de espessura (quase 1 cm) corroboram na impressão robusta do smartphone, que além de ter um acabamento de altíssima qualidade, possui certificação IP68 (o que significa que você pode molhar sem medo).

A tela é curvada nas laterais, provocando o efeito de tela infinita. Com o pequenino notch (entalhe, em tradução livre) dedicado à câmera frontal localizado na extremidade esquerda, é seguro dizer que a Xiaomi chegou perto de entregar 100% de aproveitamento de tela. Segurando o Mi 11 Ultra, é possível notar as bordas pretas das laterais mesmo com a tela curva, mas, sinceramente, isso não causa nenhum incômodo.

Módulo de câmeras

Traseira do mi 11 ultra
É esperado que as pessoas estranhem o design do módulo de câmeras, muito mais saltado que o de costume e com uma moldura imensa.

Mas certamente você quer ler sobre o elefante na sala, né? Vamos a ele: o módulo de câmeras. Confesso que ao tirá-lo da caixa, levei um susto ao ver uma mini TV na traseira do celular. Se não bastasse ocupar 25% da traseira, ele ainda tem cerca de 2 mm de espessura, um dos módulos de câmera mais saltados que já vi.

Por mais que a Xiaomi desaponte na entrega desse tipo de design fino, fica mais fácil entender a intenção por trás ao saber que as câmeras aqui disputam diretamente com a qualidade oferecida pelo S21 Ultra, modelo topo de linha de 2021 da Samsung.

Além disso, um excelente destaque no módulo de câmera fica para a pequena tela localizada do lado do flash. Trata-se de uma tela AMOLED de 1.1 polegada, feita para tirar selfies com a câmera traseira (te dando uma visualização excelente).

Ela ainda possui uma função similar ao Always on Display (sempre na tela, em tradução livre). Basta dar dois toques para que ela mostre a hora, o dia da semana e a porcentagem da bateria, sendo uma interação muito inesperada com o smartphone, que intuitivamente vai passar mais tempo virado para baixo.

E caso você tenha medo de procurar e não encontrar capinhas que vistam essa criança, a Xiaomi envia uma capinha na caixa, então pode ficar despreocupado.

Laterais do xiaomi mi 11 ultra
Poucos botões se encontram nas laterais do Mi 11 Ultra

Sobre as laterais, a esquerda é totalmente lisa, enquanto na direita temos o botão de aumentar e diminuir volume e o botão de bloqueio.

Review: mi 11 ultra mostra como um smartphone premium deve ser. Apesar do módulo de câmeras causar estranheza, a xiaomi entrega pacote completo de alto padrão para o mercado dos topo de linha com o mi 11 ultra
Acabamento de metal deixa o Mi 11 Ultra com uma carinha de smartphone super resistente, o que é esperado de um smartphone topo de linha.

Já na parte de cima, temos um sensor infravermelho, microfone para redução de ruídos, um alto-falante secundário e um selo da harman/kardon, marca de som excepcional que equipa os alto-falantes aqui. Embaixo, há a gaveta para o chip, conector do tipo USB-C, microfone e alto-falante principal.

Ele está disponível nas cores Cosmic White (Branco) e Cosmic Black (Preto).

Tela e Som

Assistir vídeos, jogar games ou simplesmente navegar pelos aplicativos é muito satisfatório, isso porquê a tela é belíssima. O Mi 11 Ultra possui tela de 6,8 polegadas do tipo AMOLED e resolução de 1440 x 3200 pixels, com densidade de 515 ppi (pixels per inch, ou pixels por polegada, em tradução livre) e mais de 16 milhões de cores. Vídeos em 4K ficam espetaculares, principalmente ao fazê-los ocupar a tela inteira (usando o movimento de pinça). O brilho também me surpreendeu, pois só precisei recorrer à luminosidade máxima debaixo do sol.

Vendo filmes na tela do mi 11 ultra
Curtir filmes e jogos na telinha ao invés da telona não é nada ruim, e a tela do Mi 11 Ultra vem para provar.

Se isso já não parecesse o suficiente, a taxa de atualização da tela alcança 120Hz, o que deixa a utilização super fluida e satisfatória (vale lembrar que manter a taxa de atualização sempre no máximo é um inimigo mortal da autonomia de bateria). Jogos são a parte onde a alta atualização mais irá fazer diferença, melhorando muito as jogatinas.

E se você adora ver séries na tela do smartphone, prepare-se para uma imersão completa, mesmo sem fones de ouvido. O som assinado pela harman/kardon faz jus e impressiona. Com o volume no máximo, senti ser além do necessário para um uso de curta-distância na tela, mas o som estéreo faz toda a diferença.

Para ouvir música, afirmo que ele não faz feio do lado de um alto-falante auxiliar de pequeno porte. Claro, o som vai ser menos encorpado que aquele num alto-falante externo, mas em comparação com outros smartphones, é simplesmente impressionante a qualidade do que temos aqui.

Câmeras

Câmeras do mi 11 ultra
Sistema triplo de câmeras se aloja dentro de módulo de câmera robusto e certamente ousado.

Mi 11 Ultra vem com um sistema triplo de câmeras na traseira e uma câmera frontal. Ele é composto por:

  • Câmera padrão (wide): 50 MP com abertura de f/2.0;
  • Câmera teleobjetiva: 48 MP com abertura de f/4.1;
  • Câmera ultra-wide: 48 MP com abertura de f/2.2, 128.º de campo de visão;
  • Câmera frontal: 20 MP com abertura de f/2.2.

Lembra daquele ditado de não julgar as pessoas pelas aparências? Pois é. O conjunto de câmeras oferecido pela Xiaomi é sem dúvidas, fora de série.

Abaixo, trago três fotos da mesma figura com a câmera ultra-wide (0.5x), padrão (1x) e zoom de 5x.


Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)