Empreendedorismo

Microsoft compra Nuance, de inteligência artificial

A Microsoft anunciou nesta segunda-feira, 12, acordo para compra da Nuance Communications, uma empresa americana que produz softwares de reconhecimento de fala.

Em comunicado, a gigante do setor de tecnologia informou que a transação valerá US$ 56 por ação, valor 23% acima do valor de fechamento de sexta-feira, 9, em um negócio avaliado em cerca de US$ 19,7 bilhões.

Mark Benjamin permanecerá como CEO da Nuance, reportando-se a Scott Guthrie, vice-presidente executivo de Nuvem e IA da Microsoft.

A aquisição, que deve ser finalizada até o final deste ano, acontece em um momento em que a companhia fundada por Bill Gates intensifica os esforços de compras.

A aquisição se baseia-se na parceria de sucesso existente entre as empresas desde 2019, em tecnologias como a que permite médicos capturarem conversas de voz de visitas de pacientes e inserem os dados em registros médicos eletrônicos. Com isso, a Microsoft pode acelerar a digitalização do setor de saúde, que ficou atrás de outros setores, como varejo e bancos.

Segundo a Bloomberg, a corporação tenta adquirir o aplicativo Discord, que estaria à venda por cerca de US$ 10 bilhões. No ano passado, a Microsoft esteve em negociações pelo TikTok, mas as discussões não foram para frente.

A Nuance, cujos produtos incluem o software de reconhecimento de voz Dragon, teve lucro líquido de US $ 91 milhões sobre receita de US $ 1,48 bilhão em seu ano fiscal encerrado em 30 de setembro, após perder US $ 217 milhões no ano anterior.

Às 10h11, o papel da Microsoft subia 0,14% no pré-mercado da Nasdaq, enquanto o da Nuance Communications saltava 19,53%.

 

Com informações do Estadão Conteúdo

Imagem: Divulgação




Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)