VidaPet

Professor universitário morre após cair durante escalada em SP

O professor universitário Inácio Bianchi, de 56 anos, morreu após cair durante escalada em uma rocha no município de Cruzeiro, em São Paulo. O acidente ocorreu na estrada de Perequê, na quinta-feira (29/4).

Segundo o Corpo de Bombeiros, Bianchi caiu de uma altura de aproximadamente 10 metros, por volta das 12h. A equipe acionou o helicóptero da Polícia Militar para realizar o resgate, mas o escalador não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital.

De acordo com informação de testemunhas, o professor armou o rapel para abrir caminho para uma nova via de escalada, mas se equivocou quanto ao que seria a metade da corda. Por ser uma falésia de baixa altura, ele não tinha feito os nós nas pontas, tradicional medida de segurança.

Inácio Bianchi era professor do Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Guaratinguetá, que publicou uma nota de pesar na noite de quinta (29/4) em uma rede social. Amigos e familiares prestaram homenagens nos comentários.

No montanhismo e na escalada, ele era muito conhecido. O engenheiro se destacou desenvolvendo vários lugares próprios para o esporte radical no interior de São Paulo, com destaque para a Falésia Paraíso, em Pindamonhangaba (SP), que se tornou o lugar de escalada esportiva mais popular do estado.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo