Justiça

RJ: Área é cedida ao atendimento integrado de adolescentes infratores

Um mesmo espaço que vai reunir serviços para acolher e atender adolescentes que cometeram algum ato infracional. Esse é o NAI, o Núcleo de Atendimento Integrado. E esse complexo já ganhou endereço certo no Rio de Janeiro: será em um terreno na Leopoldina.

Nessa quinta-feira, o governo do Rio de Janeiro cedeu uma área da Companhia Estadual de Engenharia de Transportes e Logística para o judiciário.

O acordo foi assinado entre o governador Cláudio Castro e o presidente do Tribunal de Justiça do Rio, Carlos Andrade Figueira. Cláudio Castro falou sobre a importância do NAI para garantir a recuperação de jovens infratores.

De acordo com o governo do estado, o adolescente que for encaminhado ao NAI terá à disposição, além da estrutura da Polícia Civil, equipes do Judiciário, do Ministério Público e da Defensoria Pública, com atuação de psicólogos e assistentes sociais.

O complexo, ainda em fase de projeto, está de acordo com recomendação do CNJ, Conselho Nacional de Justiça, e com o ECA, Estatuto da Criança e do Adolescente, que preveem esta integração no atendimento ao adolescente.


Fonte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Notamos que você usa um Adblock ativo!

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso site. Por favor, deslique seu Adblock para que possamos gerar receitas através dos anúncios. Não vai sair do seu bolso. ;)